Para leitores, jogos auxiliam no aprendizado de outros idioma

Com o advento das mídias de alta capacidade de armazenamento, tornaram-se comuns os games que oferecem mais de um idioma para o áudio e texto. Apesar disso, a Konami anunciou recentemente que a versão ocidental de "Metal Gear Solid 4: Guns of the Patriots" não terá vozes em japonês e nem o game nipônico possuirá diálogos em inglês.

Segundo Ryan Payton, gerente internacional da Kojima Productions, estúdio que desenvolve o jogo, o motivo é a falta de espaço da mídia Blu-ray, que terá toda sua memória ocupada por dados do jogo - o que chega a ser curioso, dado que a mídia é alardeada por sua extensa capacidade de armazenamento. A notícia afeta principalmente jogadores ocidentais com preferência na dublagem em japonês.

A possibilidade de escolher o idioma falado e escrito em um jogo pode não apenas auxiliar o jogador a compreender melhor a sua trama (como o espanhol, que pode ser a melhor opção para jogadores brasileiros que não têm conhecimento no idioma inglês) como também ensinar uma nova língua, segundo 82% dos mais de 250 participantes da última enquete do Fórum UOL Jogos.

"Tive aulas básicas de inglês, mas graças a jogos de aventura 'aponte-e-clique', como "Sam & Max", consegui melhorar muito minha pronúncia, compreensão e escrita, procurando palavras que não conhecia em dicionário e tirando dúvidas com meu professor", afirmou o usuário Kyle_Hide.

Para o usuário Peri, "primeiro é preciso ter um nível básico ou intermediário do idioma" para que o aprendizado com os jogos seja eficaz. "Então você os utiliza para expandir seu vocabulário, sua noção de escrita das palavras (...), pronúncia e audição". Para ele, os RPGs são os jogos mais indicados para quem quiser aprender jogando, devido à quantidade e variedade de diálogos.

A conectividade dos videogames atuais, que permite a comunicação (inclusive via chat com voz) entre jogadores do mundo todo, também foi lembrada pelo usuário Se4l. "A Xbox Live me ajuda muito com o inglês. Sempre tem alguém para bater papo na sala de espera do 'Halo 3' ou 'Gears of War'".

O interesse dos jogadores em aprender outros idiomas com os games não se limita ao inglês, a exemplo do usuário pgh. "Consegui alguns jogos europeus para praticar alemão, que eu estou aprendendo no momento. Têm sido muito úteis para me manter em contato com a língua fora da aula, já que ela não é tão 'abundante' quanto o inglês". E complementa, dizendo que os jogos são um grande incentivo para se aprender um novo idioma, "porque os estudos e o aprendizado não rendem quando alguém faz aulas por mera obrigação e sem vontade alguma".

Nem todos, porém, acreditam que os games contribuam tanto no estudo de línguas estrangeiras. "Isso é ilusão", disse o usuário Cliff Saos. "Games só são úteis quando a pessoa já tem uma boa base e noções de gramática. Nesse caso, os jogos só ajudam com o vocabulário", relutou.

3 comentários:

New disse...

Oiêee, como vai?
Tem um mimo prá vc no meu blog. Vá lá e tome-o, pois é seu.
Beijos.

New disse...

Oiêee, como vai?
Tem um mimo prá vc no meu blog. Vá lá e tome-o, pois é seu.
Beijos.

Nath disse...

Oiee Marco!!

Esse site tem bastante coisa sobre informática, vai ser bom pro teu blog:

http://www1.folha.uol.com.br/folha/informatica

bjsssssss